Leandro Matos | Chamada Geral

Go To Artist Page

Recommended if You Like
Moacir Santos Nei Lopes Zeca Pagodinho

More Artists From
Brazil

Other Genres You Will Love
Brazilian: Samba Jazz: Latin Jazz Moods: Solo Male Artist
Sell your music everywhere
There are no items in your wishlist.

Chamada Geral

by Leandro Matos

A música brasileiríssima de um jovem artista que compõe e produz com maestria seus Sambas, Jongos, Choros, Ijexás.
Genre: Brazilian: Samba
Release Date: 

We'll ship when it's back in stock

Order now and we'll ship when it's back in stock, or enter your email below to be notified when it's back in stock.
Continue Shopping
available for download only
Share to Google +1

To listen to tracks you will need to update your browser to a recent version.

  Song Share Time Download
clip
1. Com Seus Balangandãs
3:32 $0.99
clip
2. Sargento
4:36 $0.99
clip
3. Arautos da Tirania (feat. Inácio Rios & Rappin Hood)
4:29 $0.99
clip
4. Entrelinhas
4:32 $0.99
clip
5. Meu Violão (feat. Quarteto Pizindim)
5:14 $0.99
clip
6. O Coração do Brasil
3:32 $0.99
clip
7. Outdoor
5:39 $0.99
clip
8. Sensual Sabor
4:19 $0.99
clip
9. Pout-Pourri: Tabela Perfeita / Se Ela Chegar (feat. Cleverson Luiz, Eder Miguel, Renato da Rocinha & Lula Matos)
7:13 $0.99
clip
10. Ilê de Vovó (feat. Chiquinho Dos Santos)
4:13 $0.99
clip
11. Madiba (feat. Sidmar Vieira)
3:42 $0.99
clip
12. Chamada Geral
3:58 $0.99
Downloads are available as MP3-320 files.

ABOUT THIS ALBUM


Album Notes
LEANDRO MATOS: COM TUDO EM CIMA.

O Samba é tudo aquilo que ele quiser; e o que a gente quer que ele seja.

Peço licença pra carimbar aqui esta frase. Porque isso é, de fato, o que mais impressiona nesta forma única de manifestação musical. Única porque, como nenhuma outra, conseguiu atravessar todo um século em constante mutação, gerando subgêneros, estilos, infinitas possibilidades. E isto apenas do ponto de vista musical. Porque tem muito mais na base, nos alicerces, na argamassa deste edifício indestrutível.

Independente de qualquer outro aspecto, este CD me pegou pelo refinamento musical. Que vem da surpreendente formação artística e profissional do Leandro Matos, discípulo do genial Zé Menezes (1921-2014), um dos maio­res exe­cu­tan­tes de ins­tru­men­tos de cor­das de­di­lha­das neste ­País; pre­cur­so­r da bos­sa no­va; criador de me­lo­dias e har­mo­ni­za­ções ino­va­do­ras. Tê-lo como mestre não é pra qualquer um! Então, o Leandro, discípulo aplicado, não é um qualquer.

A partir das lições do grande mestre, o rapaz buscou aprimoramento, estudando música clássica e violão popular. Cercou-se de ótimas companhias, como, por exemplo, a rapaziada do Quinteto em Branco e Preto, uma das maiores usinas de boa música a funcionar no Brasil contemporâneo. E somou a isso o convívio com muitos referenciais, nos palcos e nos estúdios, como um timaço de músicos que vai (a ordem é puramente alfabética) de Beto Cazes a Yamandu Costa, passando por Hamilton de Holanda etc.

O resultado está aqui: um magnífico disco de samba que passa pelo ijexá "de caboclo", pelo hip-hop, com direito a um pulinho na África do Sul, ao ritmo "jongo-jazz", evocando Mandela e Hugo Mazekela (cujo trompete duela com a voz do Madiba, em riffs poderosos, com gosto de "amandlah").

Trata-se, pois, de um disco de arranjos irrepreensíveis, cruzando o repique dos tantãs com as cordas e metais... E sempre com leveza. Leveza sincopada em "Com seus Balangandãs"; e mesmo na denúncia corajosa de "Arautos da Tirania"; sem jamais deixar de ser samba. Porque Leandro Matos é sambista. Do "Berço do Samba" de São Mateus. De escola, de partitura, refinamento e comunicação. E sabe que o Samba é tudo aquilo que ele quiser. E que a gente quer que seja.

Nei Lopes - Rio, dez. 2018.


Com seus Balangandãs (Marcelo Leandro / Leandro Matos / Lula Matos / Pablo Amaral)
Sargento (Robson Batuta / Leandro Matos)
Arautos da Tirania (Inácio Rios / Leandro Matos / Rappin Hood) Part. Rappin Hood e Inácio Rios
Entrelinhas (Marcelo Leandro / Leandro Matos)
Meu Violão (Chiquinho dos Santos / Leandro Matos) Part. Quarteto Pizindim
O Coração do Brasil (Gerson da Banda / Leandro Matos / Robson Batuta)
Outdoor (Vítor Pessoa / Leandro Matos)
Sensual Sabor (Leandro Matos / Vitor Pessoa)
Pout-Pourri - Tabela Perfeita (Cleverson Luiz / Eder Miguel / Leandro Matos) Part. Cleverson Luiz e Eder Miguel
Se ela chegar (Lula Matos / Leandro Matos / Gerson da Banda) Part. Renato da Rocinha e Lula Matos
Ilê de vovó (Leandro Matos / Chiquinho dos Santos) Part. Chiquinho dos Santos
Madiba (Leandro Matos / Jonatas Petróleo) Part. Sidmar Vieira
Chamada Geral (Leandro Matos / Eduardo Salmaso ) Instrumental

Produção musical, Arranjos e orquestração: Leandro Matos

Ficha Técnica
Cavaco: Emerson Bernardes
Banjo: Sandoval e Didi Pinheiro
Violão 6: Waldir Jr e Weverton Martins
Violão 7: Rodrigo Carneiro e Gabriel Borges
Pandeiro, Ganzá, Tamborim: Anderson Rato
Repique, Congas, Tamborim: Bruno Silva
Tanta, Reco, Tamborim, Surdo: Fernando Jarrão
Surdo, Agogô, Tamborim: Diego Gimenez
Piano: Fernando César
Baixo: Danilo Vianna
Bateria: Eduardo Salmaso
Trombone: Ed Trombone
Sax, Flauta e Cavaco solo: Eber Cardoso
Cavaco Bandolim: Marcelo Martins (Faixa 12)
Percussão: Betinho Ripa (Faixa 12)
Saxofone, Trompete, Trombone: Wilbone (Faixa 12)
Guitarra: Waldir Jr. (Faixa 12)
Quarteto Pizindim: Rafael Esteves (Bandolim), Emerson Bernardes (Cavaquinho), Rodrigo Carneiro (Violão 7), Koka Pereira (Cajón e Pandeiro) Arranjo (Faixa 5)
Trompete e Flughel Horn: Sidmar Vieira

Coral: Grazzi Brasil, Fefa, Fábiana, Tekinha, Flávia, Jorginho, Karen Ébony, Robson Batuta, Robson Capela, Delei Martins, Tami Uchoa, Helen Cristina, Carol Oliver, Jônatas Petróleo, Eleandro Pinheiro, Graça Braga, Dri Lima, Dani Olinka


Gravado no Estúdio SP Music por Sandro Chiaranda exceto "CHAMADA GERAL" gravada no MS Studio por Fabio Benes e mixado no Atelier Vitché por Eduardo Aguiar Alemão

Direção artística: Sandro Chiaranda
Assistente de produção: Fabiane Oliveira
Produção: Marcelo Leandro Xeque Mate Produções
Produção artística: Silvana e Viviane Empório Negro Produções
Capa: Hugo Oliver
Arte final: Yago Costa AWO Produções

Read more...

Reviews


to write a review